segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

FUCK YOU TRUMP,MISOGINOS NAO PASSARAO!!!!




Neste sabado teve uma marcha de mulheres  (Woman´s March) no EUA para defender os seus direitos das mulheres e tambem para os negros,os latino americanos e os LGBTs por um motivo

O BACACA DO TRUMP

eu e até a minha mae odiamos esse bacaca

ele atualmente é presidente nos EUA e ele é conhecido por falar merda e fazer muita merda e eu nao entendo como as pessoas elegeram ele como o presidente no país deles

ele já traiu a propria esposas e teve varias amantes  e eu vou ser muito franca que ele já foi VADIO E PUTO porque ele pegou varias mulheres e nunca foi um politico mas sim foi um personalidade na midia

e eu continuo nao entender como esse BACACA foi eleito

e vamos falar sobre esse BACACA americano

ele é conhecido por seus discursos misoginos e por seus assédios sexuais nas suas secretarias

e existem pessoas que ´´aplaudem´´ nos gestos dele como os Bolsominions aqui no Brasil que simplesmente ´´aplaudem´´ os discursos misoginos de um tal politico da extrema direita conhecido no Brasil que eu recurso a dizer o nome

e para esse pessoal que lugar de mulher nao é na politica para ser presidente,deputada ou qualquer cargo politico
vejam por exemplo aqui no Brasil que o Temer recusou a sua esposa para fazer entrevista e sim existem maridos que querem mandar as mulheres e isso é sociedade patriacal

falando essa marcha do EUA no sábado que teve varias cantoras de pop que eu amo nesta manifestaçao
e teve mais gente do que a posse do Trump
e o discurso da ativista Angela Davis que é umas das primeiras defensoras do feminismo negro que é tao emocionante que vou deixar um texto do dicurso dela para voces lerem:

Em um momento desafiador de nossa história, vamos nos lembrar que somos centenas de milhares, milhares de mulheres, pessoas transgênero, homens e jovens que estamos aqui na Marcha das Mulheres. Nós representamos a poderosa força de mudança que está destinada a impedir que a cultura racista e patriarcal floresça novamente.
Nós reconhecemos que somos coletivos de agentes históricos e que a história, em si, não pode ser deletada como páginas da internet. Sabemos que esta tarde estamos reunidos em terras indígenas e seguimos a liderança dos primeiros povos que viveram aqui e que, apesar da massiva violência genocida, nunca renunciaram a luta pela terra, pela água, pela cultura e pelo seu povo. Hoje saudamos especialmente o Standing Rock Sioux [reserva indígena localizada na Dakota do Sul e na Dakota do Norte, nos Estados Unidos].
A liberdade e a garra da população, que moldaram este país, não pode ser deletada como o virar de uma mão. Não podemos esquecer que vidas negras realmente importam. Este é um país que foi ancorado na escravidão e no colonialismo, o que significa, para melhor ou pior, que a própria história dos Estados Unidos é uma história de imigração e escravização. Espalhar a xenofobia, lançar acusações de assassinato e estupro e construir muros não apaga a história. Nenhum ser humano é ilegal.
A luta para salvar o planeta, para parar as mudanças climáticas, para garantir a acessibilidade da água das terras do Standing Rock Sioux, Flint, Michigan, para a Cisjordânia e Gaza. A luta para salvar a nossa flora e fauna, para salvar o ar - este é o ponto zero da luta pela justiça social.
Esta é uma Marcha das Mullheres e esta Marcha representa a promessa do feminismo contra os poderes perniciosos da violência do Estado. E o feminismo inclusivo e intersetorial que convoca todos nós a juntar-se à resistência ao racismo, à islamofobia, ao anti-semitismo, à misoginia, à exploração capitalista.
Sim, saudamos a "Fight for $15" [a primeira de muitas greves e atos de rua realizados em especial por trabalhadores de fast food que exigiam um salário mínimo de US$15 por hora e um Sindicato]. Nós nos dedicamos à resistência coletiva. Resistência aos bilionários aproveitadores de hipotecas e gentrificadores. Resistência aos corsários de saúde. Resistência aos ataques aos muçulmanos e aos imigrantes. Resistência aos ataques a pessoas com deficiência. Resistência à violência estatal perpetrada pela polícia e pelo complexo industrial prisional. Resistência à violência institucional e de gênero especialmente contra mulheres trans negras.
Os direitos das mulheres são direitos humanos em todo o planeta e é por isso que dizemos liberdade e justiça para a Palestina. Celebramos a iminente libertação do Chelsea Manning. E Oscar López Rivera. Mas também dizemos liberte Leonard Peltier. Liberte Mumia Abu-Jamal. Liberte Assata Shakur.
Ao longo dos próximos meses e anos, seremos chamados para intensificar as nossas exigências de justiça social e para nos tornarmos mais militantes em defesa das populações vulneráveis. Aqueles que ainda defendem a supremacia do patriarcado hetero-patriarcado masculino branco devem ter cuidado.
Os próximos 1.459 dias do governo Trump serão 1.459 dias de resistência: resistência no chão, resistência nas salas de aula, resistência no trabalho, resistência em nossa arte e em nossa música.
Este é apenas o começo e nas palavras da inimitável Ella Baker, "Nós que acreditamos na liberdade não podemos descansar até que ela venha".
Obrigada. (Angela Davis ativista negra americana)
o que ela falou é uma realidade nos EUA de hoje que é administrado pelo Trump que ele prefere uma america branca e hetera e sem minoria como os Bolsominions querem no Brasil e inclusive lá pagina do site da Casa Branca tirou uma pagina dedicada pelos LGBTs  quer dizer que o Trump nao pensa a toda sociedade americana que vivem no País como as mulheres,negros,LGBTs e toda minoria e o Governo Trump vai prejudicar a democracia e até o mundo com as propostas dele de governo como a proibição da entrada dos imigrantes ilegais e os muçulmanos e sim ele tem muita xenofobia e ignorância pensando que todo muçulmano é terrorista e mas NEM TODOS sao terroristas 

e eu sinceramente como que eu sei sobre a politica que o DESgoverno de Trump NUNCA vai dar certo porque ele pensa em si mesmo e nao nos outros que estao lutando a vida e trabalhando muito para se sobreviver nos Eua
e essa marcha das mulheres é muito importante para o mundo porque toda a minoria devem ter os seus direitos conquistados e principalmente as mulheres que cada vez estao mais desrespeitadas pela sociedade machista e patriacal e quando as mulheres se unem para defender os seus direitos sociais e politicos.
e o Trump vai ser o pior presidente da historia e eu prevejo que vai ter corrupçao,inflaçao e até escândalos sexuais que vai sujar a imagem dele e provavelmente vai sofrer um impeachment
e vai continuar falando merda como sempre faz que vai chocar o mundo
eu nao confio esse novo presidente americano
e vai ser mais de 1400 dias de resistencia nos EUA e no mundo e vamos resistir até fim

Nenhum comentário:

Postar um comentário